Resenha: As Vantagens de ser Invisível - Stephen Chbosky

By 14:22 ,


Título Original: The Perks of Being a Wallflower
Autor: Stephen Chbosky
Tradutor: Ryta Vinagre
Ano de Publicação: 1999/ Edição de 2007
ISBN: 978-85-325-2233-7
Editora: Rocco
Sinopse: Manter-se à margem oferece uma única e passiva perspectiva. Mas de uma hora para outra sempre chega o momento de encarar a vida do centro dos holofotes. A luta entre apatia e entusiasmo marca o fim da adolescência de Charlie nesta história divertida e ao mesmo tempo instigante. 



Já faz alguns dias que eu terminei a leitura do referido livro, porém a história não saiu por completo dos meus pensamentos.

Li em menos de três dias – leitura rápida e fluída – sem grandes expectativas referentes ao enredo, já que minha curiosidade se devia ao filme baseado no livro ao qual eu estava surtando para assistir (infelizmente não consegui ver ainda...). Eu esperava, por algumas resenhas que eu li por aí, uma história quase superficial, já que a maioria dos livros (não todos, é claro) narra as divagações e descobertas da adolescência de uma forma injusta e estereotipada.

No entanto, a minha surpresa durante a leitura foi mais do que prazerosa: foi mágica. Em determinado ponto da história, era impossível largar o livro, o quanto eu me envolvi com os personagens. Terminada a leitura, um sentimento nostálgico me envolveu juntamente com uma vontade enorme de chorar.
Parece meio exagerado as linhas acima, mas não é uma artifício para fazer você que está lendo esta resenha, comprar ou ler o livro. Não. São os meus verdadeiros sentimentos a essa história que ficou marcada para sempre no meu coração. Porque existem muitos Charlies por aí, muitas Sams, Patricks...

A narração é em forma de cartas, ou seja, Charlie escreve cartas a um destinatário desconhecido contando sua trajetória na nova escola onde conhece os irmãos Sam e Patrick, que se tornam seus amigos. O protagonista enfrenta diversos problemas de se relacionar com as pessoas, um dos pontos principais do livro juntamente com um trauma que o atormenta. Aos poucos, coisas novas são experimentadas e descobertas, como drogas e sexo (incluindo homossexualismo que também é retratado no livro), o que pode “assustar” quem está lendo.

E por último, o que leva o título do livro: ser invisível. Observar as pessoas e coisas a sua volta de uma forma que ninguém perceberia. Charlie é um garoto que se questiona muito em relação a diversos assuntos, desde os triviais aos fúteis. Esse ponto da personalidade dele foi o que eu mais me identifiquei e sei bem como funciona.

Não digo isso como leitora, mas como ser humano: As Vantagens de ser Invisível deveria ser um livro conhecido pelo máximo de leitores possível, não só os adolescentes. Pois não houve nenhum livro em meus dezenove anos de vida que tocasse tão profundamente até o âmago e que mexesse tanto com diversos sentimentos como este livro. De uma história que eu não esperava absolutamente nada de novo, As Vantagens de ser Invisível se torna de longe um dos meus livros favoritos, indispensáveis e marcantes para minha vida, tendo o mesmo impacto que O Morro dos Ventos Uivantes, A Droga da Obediência, A Menina Que Roubava Livros e Orgulho e Preconceito, dentre outros.

Até agora não houve retrato mais realista do que é viver a adolescência. A sociedade é formada por hipócritas que irão dizer que o livro estimula práticas erradas para os jovens. Desculpem-me o que eu vou citar, mas dentre práticas erradas são as propagandas de padrão de beleza que estimula a anorexia, propagandas que estimulam o consumo de álcool e uma sexualidade escancarada nos meios de comunicação, penetrando na cabeça da juventude fazendo-a se perder e não pensar.

Portanto, eu sou do pensamento que, esse livro pode sim, cutucar na mente dessa juventude não pensante e quem sabe fazê-los acordar.


Classificação:




PS: O blog está voltando \o/ agora que o ano está terminando kkkk.

Pretendo fazer diversas postagens especiais de fim de ano. Algumas ideias estão surgindo, quem sabe? =P

Leia também

0 comentários

Hey ;) Obrigada por deixar o seu comentário e volte sempre!