[Reading in English] Experiência, Dicas e US x UK

By 22:14 , ,



Há diversas postagens dos mais variados blogs sobre ler livros em inglês, há também blogs que só se dedicam a isso que é o The Reading SeasonEu creio que cada indivíduo passa por uma experiência diferenciada quando se arrisca nessa empreitada e comigo não foi diferente. Sendo assim, resolvi compartilhar um pouco dessa jornada e dar algumas dicas para quem deseja começar a ler em inglês, seja livros ou HQs - tanto que tem até uma coluna no blog dedicada só para livros in english, mesmo estando bem devagar rs.

Eu comecei a leitura de livros em inglês no segundo ano da faculdade. Naquela época eu tinha aulas de inglês mas voltado para o lado britânico e fazia um curso separado voltado para o inglês americano. Ou seja, aprendi um pouco dos dois principalmente na questão da fala e sotaques. A leitura também difere entre ambos - livros de autores britânicos em inglês são bem diferentes de livros de autores americanos. Quer um exemplo? Pegue um exemplar de Harry Potter e compare o inglês com um exemplar de Percy Jackson - a diferença é grande.

Não quer dizer que o inglês britânico é melhor que o americano ou vice-versa. Isso não existe, eles apenas são diferentes e há aqueles leitores que preferem um ou outro. Até agora nesses três anos que iniciei leituras em inglês, eu tive mais contato com autores americanos por na minha opinião, serem mais simples de compreender e eu recomendo iniciar por este segmento para quem nunca leu um texto literário em inglês. 



Por quê? Bem, vamos dizer que eu amo inglês britânico, mas o vocabulário é diferente e até mais formal - dependendo do autor - do que o americano. Porém nesse meu atual estágio eu acredito que eu conseguiria reler Harry Potter em inglês de forma bem tranquila - até li alguns capítulos da Pedra Filosofal sem sofrer com o vocabulário. Mas cada leitor e estudante de inglês deve saber o seu nível de dificuldade e escolher qual dos dois acha melhor. 

Além disso, tem toda a questão cultural das duas línguas. Há muitas expressões típicas do inglês britânico que você não vê no americano e vice-versa, por isso é muito importante saber qual é a nacionaliadade do autor(a) que você está lendo, principalmente para você não ser pego de surpresa. Aconteceu comigo com as expressões not my cup of tea e bloody hell, tipicamente britânicas e blimey! e recentemente com y'all guys, típicas gírias americanas. Isso só nas leituras, imagine com as séries/filmes já que eu gosto de ver produções dos dois países?! Tem hora que eu até misturo os "dois inglês" LMAO!

A dica crucial é: Literatura Juvenil/YA. Não tem melhor forma de começar a ler inglês do que pegar esses livros, independentes se forem autores americanos ou britânicos, por justamente ter um nível de dificuldade baixos para leiores iniciantes. No começo você terá dificuldades e irá apanhar nas primeiras leituras assim como eu. Porém sem desespero, com o tempo você vai se acostumar com a língua e a leitura será tão natural quanto o livro em português. O importante é:

  • Sem neuras com vocabulário. Não fique preso a querer traduzir todas as palavras que você  encontrar no texto e não conhece o significado. Às vezes você irá entender o significado da palavra no próprio contexto da história.
  • Leia devagar, sem pressa. Não pense que você irá terminar o livro na mesma rapidez que você termina um em português, se você não tem costume com a língua. Quando eu li The Mark of Athena eu levei dois meses para terminar. Mas olha que legal, dois anos depois com Neverwhere - no qual o inglês é britânico - eu levei bem menos tempo.
  • Pegue um livro que você já leu em português. Isso vale para quem está inseguro com o nível de inglês e não deixa de ser uma boa forma de começar, porque você já conhece a história.
  • Tem medo de livros em inglês? Pegue uma HQ. Sério, HQs são maravilhosas para aprender inglês princiapalmente porque têm imagens e te ajuda na hora da compreensão do enredo. 
  • E a dica mais importante: Transforme a leitura em inglês em hábito. Isso mesmo, leia em inglês sempre que você puder, e eu não falo apenas de livros, mas sim coisas relacionadas ao dia a dia como por exemplo, site de notícias, jornais e revistas. Você terá bastante contato com novos palavras, expressões e estilos de escrita, que vai te ajudar na hora que você pegar um livro para ler.

Aqui no blog o projeto do Reading in English está engatinhando, porém já deu bons saltos com as leituras das HQs de Doctor Who que eu já resenhei no blog e maioria dos roteiristas são britânicos, o que me ajudou bastante na compreensão do british english. Pretendo dar continuidade nessas resenhas se assim os leitores gostarem, pois eu já tenho bastante material de leitura - o problema é que por ser tratar de um nicho (universo expandido de uma série) acho que não é de interesse de todo mundo que acompanha o blog rs. De qualquer forma, em breve sai resenha de um livro propriamente dito...

Além de todos os benefícios quanto o aprendizado, mais importante do que tudo isso é expandir os horizontes. Ler em inglês te dá mais opções de escolha e uma liberdade que até então eu particularmente não imaginava que eu consiguiria 

Ps: Preciso dizer que eu estou satisfeita com o layout novo, mas triste porque no mobile não está do jeito que eu quero ainda... Vamos ver se eu consigo resolver esse problema as soon as posible.

Leia também

0 comentários

Hey ;) Obrigada por deixar o seu comentário e volte sempre!